Ao entrar na faculdade sua única preocupação não será só com aluguel, mensalidade e festas. Existem vários outros fatores que se colocados no papel vão facilitar essa etapa da sua vida. Controlando o orçamento, guardando um pouco de dinheiro, gastando em itens necessários é possível sim se formar sem dívidas.

Não são só as empresas que devem planejar, isso é algo que todos devem fazer, inclusive você universitário  deve manter o controle de seus gastos de forma inteligente.  Não existe uma regra para planejamento, mas para que funcione deve ser algo que seja de fácil utilização, como uma Planilha de Gastos em Excel, onde podem ser controladas todas as receitas e despesas com vestimenta, transporte, aluguel, comida, livros, etc.

Quando você coloca no papel todos os gastos que vai ter acaba evitando sustos futuros, situações constrangedoras e até mesmo dívidas muito altas, que podem seguir com você depois de um bom tempo de formado.

Confira 10 dicas de planejamento, para se formar sem ficar no vermelho.

1-Orçamento

É importante ter um orçamento, ordenas as despesas é o primeiro passo para quem pretende passar o mês sem sufocos. Se você conseguir seguir uma base dos meses anteriores poderá ter uma noção do quanto vai gastar e,  comida, roupas, lazer, transporte. Sendo também possível observar em qual categoria é possível cortar ou diminuir gastos.

2-  Entrada de dinheiro

Muitos estudantes recebem dinheiro dos pais, estes em sua maioria não vêem a necessidade de planejamento já que obtêm esse auxilio. Porem muitos outros trabalham para pagar seus estudos e sabem o quanto é importante economizar cada centavo recebido.

3- Não gaste mais do que recebe

O que não pode acontecer em nenhum planejamento financeiro é o dinheiro sair mais do que entra. Se você esta gastando mais do que recebe talvez seja a hora  de ver quais contas poderão ser economizadas. Nessa época de faculdade talvez seja o momento de gastar menos com lazer, já que gastos como aluguel, livros, mensalidade não poderão ser deixados de lado.

4-Priorize necessidades

Gastar com o que é necessário talvez seja preciso. Buscar economizar com roupas caras, contas de telefone etc. talvez seja uma saída.

5- Despesas fixas

Algumas despesas como luz, água, gás, aluguel, não podem ser cortadas. Portanto não deixe de colocá-las na lista de contas prioritárias e reserve dinheiro para elas.

6- Comida

O pouco tempo que se tem  quando esta estudando, muitas vezes traz a necessidade de sair para comer, ou mesmo o fato de tentar se socializar com os demais universitários. Para reduzir os gastos nesse ponto é preciso calcular quanto você tem para comer fora de casa, para que o dinheiro não acabe antes que o mês.

7- Gasto com telefone

Determine um valor a ser gasto com o serviço de telefonia. Buscar saber valores e tarifas é importante.  Procure uma operadora que tenha custos mais atrativos para o seu orçamento.

8- Material escolar

Alguns cursos universitários exigem poucos materiais, outros no entanto exigem diversos materiais e muitas vezes caros. Pesquisar o que você vai usar para o próximo semestre é uma alternativa, e assim você terá tempo de comprar com preços menores, comprar de algum aluno que queira vender ou mesmo conseguir emprestado.

9-Livros

Os gastos universitários não se resumem em comida, aluguel e diversão. A compra de livros é  algo que pode deixar o universitário no vermelho. Portanto busque saber se realmente vai utilizar determinado livro e busque opções como empréstimos de livro, algum aluno que queira vender seu usado.

10-Saúde

O que muitas pessoas fazem quando estão na faculdade é esquecer-se da saúde. E quando ficam doentes precisam buscar ajuda de pais ou familiares. A saúde não deve ser deixada de lado, ninguém esta livre de uma eventual doença.